AGORA É LEI: Lei sancionada de Silvio Fávero possibilita entrega gratuita de medicamentos nas residências

Programa Remédio em Casa, de autoria de Silvio Fávero, visa proteger público mais vulnerável em tempos de pandemia.
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

De autoria do deputado estadual Silvio Fávero, a Lei N° 11.152/2020, sancionada nesta quinta-feira (03.06), pelo Governo do Estado, institui o Programa Remédio em Casa, que cria mecanismos para a entrega domiciliar de medicamentos de uso contínuo a pacientes idosos, com necessidades especiais ou ainda com doenças crônicas.

A nova Lei tem por objetivo proteger o público mais vulnerável ao contágio de doenças virais, a exemplo do novo coronavírus (COVID-19), evitando o deslocamento do paciente até as farmácias. Ela visa ainda aperfeiçoar o gerenciamento das ações de fornecimento de medicamento na esfera estadual, bem como do controle do estoque de medicamentos no estado.

Para estar inserido no programa Remédio em Casa, o paciente deve estar devidamente cadastrado nos programas estaduais de assistência farmacêutica, juntamente com as respectivas receitas médicas. Após o cadastro prévio, o medicamento é separado para o paciente e já passa a integrar a rede do programa Remédio em Casa, que também já possui suas farmácias conveniadas.

No ato deste cadastro, o paciente que encaixa nas especificações deve informar a necessidade de atendimento à domicílio, ficando a cargo do Governo do Estado tomar as devidas providências para o transporte dos medicamentos.

“Precisamos ter cuidado redobrado com os pacientes com doenças pré-existentes. O Programa Remédio em Casa, em forma de Lei, é mais um instrumento para dar mais segurança a esse público vulnerável, que estamos tratando com todo cuidado, dando condições para que eles fiquem em casa”, justificou Silvio Fávero.

Com a nova Lei sancionada, que deve vigorar mesmo após a pandemia, o deputado estadual Silvio Fávero passa a contar com 15 Leis de autoria própria sendo aplicadas no Estado de Mato Grosso. Outros seis Projetos de Lei, de interesse dos cidadãos mato-grossenses, aguardam a sanção do governador.

Assessoria

Assessoria de Imprensa

Assessoria de Imprensa

Deixe o seu comentário